Todo mundo tem sonhos, e direta ou indiretamente é preciso guardar dinheiro para realizá-los. Porém, dependendo das finanças, parece que nunca sobra dinheiro para destinar a uma meta específica.

Apesar de parecer bastante desafiador, guardar dinheiro é uma tarefa mais simples do que se imagina. A questão principal é descobrir o que está te impedindo de economizar.

Geralmente o fator principal são ações que fazemos diariamente e não percebemos. Confira quais são os pequenos hábitos que impedem de guardar dinheiro.

Saiba para onde o dinheiro está indo

Para saber quais são os hábitos que estão te impedindo de guardar dinheiro, é importante entender os seus gastos. Principalmente, para onde toda a sua receita está indo.

Na correria do cotidiano nem sempre temos tempo de anotar todas as despesas que tivemos. E pode acontecer de pequenas quantias passarem despercebidas.

Por isso, no MeuCompromisso todas as transações são registradas e categorizadas para que a visualização seja fácil e rápida. Desta forma, você consegue saber quanto tem gastado com restaurantes, supermercado, farmácia e etc.

Guardar dinheiro com meu compromisso

Além das categorias predeterminadas, você pode criar e personalizar as suas. E mais, dentro das categorias é possível criar subcategorias.

Outra questão é que ao categorizar um local, quando realizar novas compras o MeuCompromisso já entende e destina este gasto à categoria específica.

Assim, no decorrer do mês, você acompanha a evolução dos gastos e despesas. Então, identifique onde está o gargalo que te impede de guardar dinheiro.

Atenção aos gastos com supermercado

Uma questão muito comum que dificulta na hora de guardar dinheiro são a confusão com os gastos essenciais. Obviamente, os gastos com supermercado são considerados essenciais.

Porém, existem itens que compramos sem precisar, ou marcas mais caras que tem a mesma função das concorrentes mais baratas.

Então, considere que mesmo sendo itens básicos, existe um fator empolgação. pode acontecer de querer comprar mais de uma unidade para aproveitar a promoção. Ou, compensar um dia ruim comprando algo mais caro.

Uma boa dica para economizar no mercado é sair de casa já com o limite de gastos. Já não adianta apenas ir com a lista, é preciso delimitar um valor.

Sair de casa sabendo o máximo que poderá gastar é um hábito que cria maior controle e consequentemente ajuda a guardar dinheiro.

Cuidado com os pequenos gastos

Outra armadilha que te impede de guardar dinheiro são os pequenos gastos que no dia a dia não percebemos. É um chocolatinho depois do almoço, uma blusinha na promoção, um cosmético, uma bebida e por aí vai.

Apesar de parecerem inofensivos, porque são gastos baratos, a soma no fim do mês abocanha uma grande parcela da renda.

No entanto, não é necessário que você elimine todos os pequenos gastos. Mas, é preciso controlá-lo. 

Ao observar este caso, destinando um valor mensal, é mais fácil que haja uma parcela para guardar dinheiro.

Não parcele tudo

A função crédito pode ser uma facilitadora na hora de realizar uma compra com um valor mais significativo. Porém, muitas pessoas optam por parcelar contas desnecessárias. Ou seja, acumulam valores que prejudicam a saúde da sua vida financeira.

Para guardar dinheiro é preciso saber usar o cartão de crédito de maneira eficiente. Ao financiar uma compra, sempre confira seu limite e as parcelas já existentes.

Assim, você não ultrapassa ou compromete o orçamento mensal. Além disso, não corre o risco de precisar emprestar dinheiro de vias cujo juros são mais altos.

Ademais, a prática de pensar nas parcelas, te torna mais consciente das compras e mais focado na missão de guardar dinheiro.  

Casal preocupado com finanças

Evite pagar apenas a parcela mínima do cartão de crédito

Ainda sobre o cartão de crédito, evite pagar o mínimo da fatura. Apesar de parecer ser um bom negócio, e dar a impressão que o dinheiro está “sobrando”, este é um péssimo hábito.

Acontece que o restante da fatura que não foi pago terá acréscimo de juros. Ou seja, o valor a pagar se torna maior e dificulta a missão de guardar dinheiro.

Além disso, as novas contas que são realizadas no cartão de crédito vão se acumulando e gera uma situação mais insustentável.

Caso esteja com dificuldade de pagar toda a fatura, busque outras alternativas. Apesar da parcela mínima ser melhor do que não pagar nada, tente renegociar as dívidas.

Isso vale para o cartão de crédito, ou para qualquer empréstimo que esteja pesando no orçamento.

Bônus – Conseguiu guardar dinheiro? Comece a investir.

Agora que você já sabe como mudar seus hábitos e guardar dinheiro, é preciso estipular o que fazer com este montante. No MeuCompromisso o dinheiro que fica na conta corrente já rende 100% do CDI.

Além disso, no próprio aplicativo você pode criar metas e sonhos. Delimitar um objetivo, sem dúvida, irá te impulsionar a guardar dinheiro.

Não perca tempo, clique no botão abaixo e baixe agora o APP na loja do seu celular.